Pronto, vesti: Roupa Casual Sem Ser Chata para Trabalhar

Luki du Jour - Look do Dia - Conforto sem perder a graça para Trabalhar

 

A rotina do home office é bem diferente da correria de agência. No dia a dia de agência, precisava estar sempre preparada para uma reunião com cliente e acabei me acostumando estar nos trinks todos os dias. Agora, na vida de consultoria, não existe mais essa necessidade constante, porém fazer home office em casa ou sozinha no escritório não significa necessariamente estar de pijama o dia todo.

Tenho investido cada vez mais em conforto. Essa calça molinha em o conforto do moleton, mas a combinação do tecido e da cor (que é quase um dourado) conseguem tirar o ar de “roupa de casa”. Exagero pra mim é bobagem, então resolvi brincar com duas estampas e mais o amarelão do casaquinho. Como as cores da estampa de oncinha do tênis estão dentro da mesma escala da calça, da estampa da camiseta e dos detalhes do lenço, não virou uma confusão tão grande de informações. O importante é ter alguma coisa que una todas as peças. É um look bem versátil. Se rolasse uma reunião mais séria urgente, um sapato com um saltinho e maquiagem já me colocariam dentro da formalidade necessária. À noite, fui a uma festa e só troquei a camiseta branca por uma cropped preta com uma maquiagem mais leve. :)

O engraçado é que até esse ano era impossível me ver usando um tênis se não fosse pra correr. Aos poucos, consegui desencanar e achei que uma opção com uma estampa bacana tiraria o ar infantil. Ele costuma ser minha opção para usar com saias, e se é um momento formal, mas nem tanto, um terninho já me deixa preparada.

O que eu vesti:

  • Casaquinho Amarelo – Luigi Bertolli
  • Camiseta – Aüslander
  • Calça molinha – Cantão
  • Tênis de oncinha – Santa Lolla
  • Lenço – istoq

Pronto, amei: Nosso Ensaio Fotográfico Pós-Casamento na Lua de Mel em Paris (Cherish the Dress)

Ensaio Cherish the Dress Carol e Helio por Fernanda Peruzzo

Não sou a pessoa mais romântica do mundo, mas esse post merece ser feito no Dia dos Namorados. Deixando para trás toda a discussão comercial sobre a data e pensando na importância de compartilhar o seu amor com alguém todos os dias – hoje quero muito compartilhar (e se possível inspirar) um tanto desse amor com o ensaio fotográfico pós-casamento que eu e o marido fizemos na lua de mel em Paris, também conhecido pomposamente como Cherish the Dress. (e nada de Trash the Dress, porque né, não tá barato fazer vestido de noiva e é bom evitar morrer na lua de mel).

A gente não curtia muito a ideia de fazer ensaio fotográfico “normal” de casal antes do casamento, já que só teria algum sentido real se fosse em Recife, onde as coisas começaram, o que não ia ter como ($$). (Sem contar com toda a correria na organização antes da festa.) Daí surgiu a ideia: que tal levar as roupas de noivos para a lua de mel e fazer as fotos lá (em Paris)? Até então, eu não imaginava viajar para fora do Brasil tão cedo, ou de me ver vestida de noiva, imagine as duas coisas juntas, ao mesmo tempo, com alguém que eu amo! Pareceu tão certo e tudo se encaixou de um jeito que embarcamos na aventura.

O Ensaio

Ensaio Carol e Helio por Fernanda Peruzzo em Paris (Cherish the Dress)

Não queríamos nada tradicional, então a ideia de se misturar com as pessoas pelos lugares mais interessantes de Paris e fazer fotos com um jeito mais “casei e fui dar uma volta” tinha a nossa cara. A Fernanda Peruzzo, que já foi nossa colega de trabalho aqui no Brasil, foi nossa queridíssima fotógrafa e guia que topou a ideia. Ela é brasileira, jornalista, entende muito de moda e cultura, agora mora em Paris, conhece todos os cantinhos fotogênicos e interessantes da cidade e o principal: faz fotos maravilhosas e fora do convencional, com um quê de editorial de moda. Foi perfeito porque não somos um casal muito grudento e fotogênico, então o olhar sensível e artístico da Fer conseguiu passar o ar romântico que estava ali, discreto, mas intensamente presente.

Continuar lendo

Pronto, Vesti: Camisa jeans + Saia Plissada

Reativando o blog depois de um momento de muita correria por conta do meu casamento e da empresa nova (a Mitza Estratégias Digitais). Tem tanta coisa legal da organização da festa, algumas coisas que fiz a mão para sair do meu jeito, além da lua de mel em Paris e Amsterdam (com direito a ensaio vestida de noiva). Enfim, muita coisa que quero dividir com o mundo e vou tentar me obrigar a ter tempo para isso.

Para começar, vou pelo mais fácil, um look do dia (ou como brinco no meu instagram, o LUQUI DO JOUR). Voltei de Paris com outra noção de combinação de peças, outra visão do que é estar bem vestida e se sentir bem. Esqueça os looks pesados e montados que aparecem nos blogs da vida, as francesas se vestem de forma simples, com foco no corte e no caimento das peças – o que, somado à postura, deixa tudo muito chique naturalmente. Sim, peguei o virus Paris, a gente fica infectada por aquela atmosfera – logo eu que não tinha nenhum sonho pela cidade (o marido que escolheu o destino), é impossível tirar a cidade de você depois de conhecê-la. Nunca mais chame de metida alguém que foi a Paris e só fala de lá, aceite a doença e trate de ir assim que puder porque é uma experiência inesquecível (por mais que passe o resto da vida pagando, a imersão cultural vale tudo!). Mas chega da cidade, fica para outro post.

Camisa Jeans e Saia Plissada

Literalmente peguei o que não estava amassado no guarda-roupa e vesti. Não me maquiei, não arrumei o cabelo, foi um Pronto, vesti ao pé da letra. Achei interessante o contraste da camisa jeans pesada com a delicadeza da saia plissada, o azul das duas peças ajudou a harmonizar o conjunto. O sapato liso e sem cadarço, mas com cara de social, completou a cara de “despretensiosamente” arrumada. Para compensar, a pulseira de corujinha cheia de pedraria que eu tinha acabado de ganhar deu uma carinha chique pro negócio. A cara de bolacha é um oferecimento da cansativa maratona de organização de festa+viagem.

  • Camisa Jeans Renner
  • Saia Plissada que ganhei da mãe
  • Sapato comprado baratinho na W.O.
  • Pulseira de Coruja de uma feira aleatória (deve ser do Sammydress)
  • Bolsa Arezzo
  • Anel geométrico Isabella Giobi para C&A

Pronto, vesti: Blazer + Calça Boyfriend

Confortável, mas arrumadinha – esse foi o resultado da sexta passada.

Minha calça boyfriend caiu do armário (literalmente) e acabei abraçando a causa. Para balancear o excesso de branco na dupla com a camiseta branca, apostei no azul. O corte e a cor azul escuro do blazer ajudaram a marcar um contorno mais definido para o tronco, principalmente a cintura. Cinto também azul para marcar bem a separação entre a camiseta e a calça – ou daria a impressão de estar com um macacão saruel com o maior quadril do universo. Sapatilha azul royal para não ficar tão séria e formal. Aproveitei para passar um batom alegre e bem “aceso” – agora que perdi o medo de usar maquiagem diferente, tudo é desculpa para usar umas cores com mais presença. O maxi-colar veio tirar um pouco do basicão, mas sem muito alarde.

Pronto, vesti: Look do Dia - Blazer + Calça Boyfriend

Peças do Look

  • Camiseta TNG
  • Calça Boyfriend Makenji
  • Sapatilha NYDK
  • Maxi-Colar C&A
  • Batom Mango Box de Eudora (amigas de Curitiba podem comprar direto comigo!)

 

Pronto, vesti: sol + color blocking

A hora de escolher o que vestir sempre foi um momento que eu gostei de me dedicar. Mas com a agenda apertada, tive que me obrigar a entrar no modo “pronto, vesti”. No máximo 10 minutos pra ficar totalmente pronta – considerando que faz tempo que não sei mais o que cabe ou não em mim, é quase uma prova do Faustão. </exagero>

Enfim, hoje não foi diferente. Quem mora em Curitiba entende, dia de sol tem que ser comemorado. Aproveitei para usar roupa nova e “alegre”: uma blusa laranja. No fim, acabei com um color blocking de laranja – azul escuro – branco e um sapato de oncinha para dar uma ‘textura”.

Pronto, Vesti: saia azul, blusa laranja e cinto branco

Blusa laranja Zara
Saião azul C&A
Cinto branco Germon’s
Sapato Onça Woge